domingo, 12 de março de 2006

É a Primavera que está a chegar.


a esteva já abriu uma flor, que parece papel e cai no mesmo dia que abre, é muito leve e frágil.
Nem o Sol tem tempo de lhe dar o calorzinho da passadinha a ferro.

3 comentários:

Teresa pais disse...

Era uma vez uma andorinha
Com asas que voavam.

Voava sobre o mar
Sobre o sol
E sobre as casas....
E fugia,
E fingia,
Brincando,
Rodopiando,
Como se o sol não existisse
E a vida não lhe fugisse da mão
Ora fria,
Ora terna,
Como um pequeno raio de sol de inverno
Em pleno verão...

E a andorinha volta
E revolta
E revolta-se também;
E chora baixinho.
Com felicidade,
Quando algures
Alguém lhe diz: “fica bem”!

--

bruno côrte disse...

Essa flor é espantosa

a.mar disse...

Vê-se muito nas serras, ali para os lados de Castelo Branco, que foi de onde veio a planta que tenho aqui no jardim, e a própria planta cheira muito bem, cheira a serra.